Blog do Maddog


Reflexões de um Cachorro Louco

Ambientes de nuvem privada virtual

Publicado em 06/10/2017 às 13:23 | 1261 leituras


Versão para impressão Enviar por email

    

SubutaiEu sempre senti que o melhor tipo de negócio é aquele que resulta em uma situação do tipo “ganha-ganha-ganha”: a comunidade de fornecedores de projetos e produtos deveria ganhar, os fornecedores de projetos e produtos deveriam ganhar e, acima de tudo, o cliente (que é o usuário final) deveria ganhar.

Muitas soluções em nuvem são de propriedade de uma grande empresa que constrói uma torre de servidores e vende serviços de hardware, software ou “plataforma” aos clientes. Às vezes, essas vendas são a dinheiro, às vezes elas são remuneradas através do uso das informações do usuário para marketing e às vezes através de uma combinação de ambos, mas é o usuário final que precisa aceitar ou abrir mão de algo para acessar os recursos computacionais de que ele necessita. Quase sempre o usuário final não tem controle sobre onde seus dados são armazenados, onde seus programas são executados ou quais programas eles estão executando. Por falta de controle, o usuário final às vezes recebe no final do mês o que podemos chamar de “cobrança surpresa”.

Sem a propriedade dos recursos, associada à falta de controle, seus dados podem cair sob a jurisdição das leis de um país diferente do seu. Embora as leis do seu país possam protegê-lo, as leis de outro país podem expor seus dados para uso indevido, sem que você tenha qualquer possibilidade de alterar essas leis.

Recentemente, aceitei a oferta para me tornar diretor executivo da OptDyn, uma empresa que oferece esse tipo de produto ganha-ganha-ganha através de uma solução de nuvem de código aberto, ponto a ponto (P2P), segura e estável chamada Subutai [2], além de outras ofertas “abertas”.

O Subutai cria ambientes de nuvem privada virtual (VPC) para usuários finais, que consomem recursos de “pares Subutai” autorizados a conceder recursos para seus aplicativos. Esses pares se autenticam mutuamente para criar uma rede privada virtual (VPN). Uma vez que a VPN está protegida, os pares contribuem com recursos como contêineres de máquinas Linux dentro da VPN usando um modelo de nuvem de contêineres como serviço (CaaS). O usuário final pode instalar qualquer tipo de serviço, aplicativo ou software de infraestrutura que desejar nas máquinas em execução nessa nuvem.

Os proprietários dessas nuvens negociam uma “cortesia” dos seus pares na nuvem para usar os recursos computacionais desses pares a uma taxa por hora. Em um futuro próximo, um registro baseado em tecnologia blockchain será usado para rastrear essa “quantidade de cortesia” e a reputação dos pares, simultaneamente ativando contratos inteligentes de modo a implementar acordos de nível de serviço (SLAs) entre os proprietários dos recursos dos pares e os proprietários das nuvens.

Fiel aos valores da comunidade, o Subutai recompensa com “cortesia” as boas ações e os hábitos que melhorarem o sistema para todos. Usuários que convidem outros, criando novos pares, mantendo alto o tempo de operação dos sistemas dos pares, emitindo relatórios de erros, ou mesmo fazendo atualizações, recebem cortesia como recompensa. É possível ganhar ainda mais cortesia doando recursos dos pares para projetos de código aberto. Esses projetos podem se beneficiar do suporte à infraestrutura e da disponibilidade dos recursos para a realização de testes. Em contrapartida, os projetos de código aberto podem fornecer “modelos” ao Subutai para que seus produtos sejam instalados e executados em sua nuvem privada simplesmente pressionando um botão. Todos ganham!

Na minha carreira, tenho visto desperdício de recursos em muitos ambientes, como hospitais com PCs ligados o tempo todo, mas ociosos em 99% do tempo (ou mais), e universidades com laboratórios repletos de PCs ligados a uma rede local, incapaz de reconfigurá-los facilmente em um cluster de alto desempenho, enquanto outras partes da organização sofrem com a falta de recursos. O Subutai foi projetado para resolver esses problemas.

O Subutai pode incorporar a Internet das coisas (IoT). Muitos dos modelos de IoT adaptam um aplicativo à nuvem e as “coisas” apenas conversam com esse aplicativo. Entretanto, muitas das “coisas” da IoT podem ser apresentadas como recurso, de modo que esses “recursos” podem ser oferecidos, trocados ou adquiridos pelas entidades que assim o desejarem. Um “laboratório virtual” poderia ser criado usando CaaS.

Eu sei que “os aplicativos são tudo”. O Subutai utiliza as APIs do Google App Engine. Todos os aplicativos que funcionam nessa plataforma são compatíveis e podem ser executados dentro do Subutai. Por outro lado, outros aplicativos que forem empacotados em contêineres e usam um modelo para configurar recursos também podem funcionar com um pouco de trabalho de desenvolvimento de aplicativos.

Os leitores que disserem: “Isso soa muita bem. Esse é o nível de integração, segurança e funcionalidade básica que eu gostaria de ter algum dia”, não precisam esperar. Subutai, um projeto originalmente financiado por uma agência governamental para ser mais eficiente no compartilhamento de recursos, foi lançado como sistema de código aberto e está agora na versão 5.x, pronto para uso.

O desenvolvimento do Subutai é liderado por Alex Karasulu, fundador e diretor de tecnologia da OptDyn. Alex fundou vários projetos na Apache Software Foundation. Ele descreve a equipe de engenharia do Subutai, acompanhado do Diretor de Marketing e Mídia, Sally Khudairi, como “realmente, insanamente bom”, e eu concordo com o Alex.

O OptDyn quer aumentar a rede Subutai, garantindo mais acesso aos recursos em todo o mundo e convidamos você a baixar o código e fazer parte da comunidade.

Ganha-ganha-ganha.

Comentários

Outros Posts

Ambientes de nuvem privada virtual

Publicado em 06/10/2017 às 13:23 – Comentar primeiro

O Subutai é uma solução de nuvem de código aberto, ponto a ponto (P2P), segura e estável, que cria ambientes de nuvem privada virtual (VPC) para usuários finais usando um modelo de nuvem de contêineres como serviço (CaaS). O usuário final pode instalar qualquer tipo de serviço, aplicativo ou software de infraestrutura que desejar nas máquinas em execução nessa nuvem.
Leia mais...

Software Livre e de Código Aberto: uma questão de economia, não de política

Publicado em 12/11/2016 às 12:36 – Comentar primeiro

Os argumentos apresentados neste artigo são todos aspectos econômicos, e não aspectos políticos. Decisões baseadas em política (e não em economia) devem ser lembradas pelos eleitores nas próximas eleições.
Leia mais...

Rapidinhas do maddog

Publicado em 24/03/2014 às 15:55 – Comentar primeiro

Se você é um estudante de ciência ou engenharia da computação e está procurando uma maneira de fazer dinheiro extra e obter uma grande experiência de trabalho, leia este post até o fim!
Leia mais...

Olá, presidenta Rousseff... eu avisei!

Publicado em 22/10/2013 às 12:18 – Comentar primeiro

Em sua mais recente postagem, maddog conta um pouco sobre o Projeto Cauã e como evitar que problemas como os ocorridos com a espionagem da NSA voltem a ocorrer.
Leia mais...

FISL e DrupalCamp Porto Alegre

Publicado em 10/06/2013 às 12:23 – Comentar primeiro

maddog dá a dica: inscreva-se para na caravana DrupalCamp e vá ao FISL em Porto Alegre com 50% de desconto.
Leia mais...

O ano do centenário de um grande homem: Alan Turing

Publicado em 16/10/2012 às 15:00 – Comentar primeiro

Grã-Bretanha busca corrigir um dos maiores equívocos de sua história, ao ter tratado o cientista como um inimigo de Estado após Segunda Guerra Mundial.


Leia mais...

Mea culpa

Publicado em 18/09/2012 às 15:07 – Comentar primeiro

Como a Apple poderia lidar com seus problemas de forma mais diplomática. 


Leia mais...

Jon 'maddog' Hall se declara homossexual

Publicado em 26/06/2012 às 17:31 – Comentar primeiro

Diretor da Linux Internacional revela as razões de ter "saído do armário" em um post comovente em seu blog pessoal.


Leia mais...

Recessão? Que recessão?

Publicado em 05/06/2012 às 13:34 – Comentar primeiro

Maddog conta a história de sucesso de um desenvolvedor brasileiro que entendeu como usar serviços de software livre.


Leia mais...

O conto das mensagens

Publicado em 04/05/2012 às 13:03 – Comentar primeiro

Maddog avalia os efeitos de mentes fechadas sobre até mesmo o mais simples do softwares.


Leia mais...

As necessidades de muitos

Publicado em 14/12/2011 às 9:30 – Comentar primeiro

Maddog fala sobre o tempo em que desenvolveu uma atualização para o sistema Ultrix, como aprendeu sobre escolhas e o benefício da opinião da maioria.


Leia mais...

Frustrações noturnas

Publicado em 27/10/2011 às 12:32 – Comentar primeiro

Maddog fala sobre algumas frustrações com a tecnologia e como isso pode afetar o seu uso pelos usuários finais


Leia mais...

Cerveja em troca de código

Publicado em 11/07/2011 às 11:55 – 1 comentário(s)

Maddog conta uma história sobre desenvolvedores e a recompensa pelos seus esforços no mundo do software livre.


Leia mais...

Gandhi teria sido um defensor do Software Livre?

Publicado em 05/05/2011 às 11:47 – Comentar primeiro

Maddog traça paralelos com os atos de desobediência civil incentivados por Gandhi com os benefícios do Software Livre.


Leia mais...

Offtopic: Mom&Pop(TM)

Publicado em 15/03/2011 às 10:38 – Comentar primeiro

Maddog conta um pouco sobre sua história familiar e fala sobre o falecimento de sua mãe, Marian Rhoda (Burns) Hall.


Leia mais...

Posts anteriores

lançamento!

LM 119 | Backup e Restauração




Impressa esgotada
Comprar Digital  R$ 10,90 Digital

  1. Soluti Certificação Digital em busca de especialista Linux

    Publicado em 19/04/2017 às 17:18 | 457910 leituras

  1. Baixe o curso de shell script do Julio Cezar Neves

    Publicado em 07/04/2008 às 19:41 | 440276 leituras

  1. Seminário sobre gestão de privilégios do Linux dá direito a certificado CPE

    Publicado em 23/05/2017 às 10:35 | 374440 leituras

  1. Novo evento "Universidade Livre" será realizado em Belém/PA em 06/05/2017

    Publicado em 28/04/2017 às 11:19 | 224611 leituras

  1. 4Linux abre vagas para Líder Técnico em São Paulo e Brasília

    Publicado em 25/07/2017 às 14:12 | 213618 leituras

  1. Vulnerabilidade no Ruby on Rails

    Publicado em 08/03/2012 às 12:07 | 9319 leituras

  1. Aplicativo para iPhone identifica o local das fotos da sua viagem

    Publicado em 29/12/2010 às 12:13 | 8579 leituras

  1. Albacore realizará treinamento de Linux embarcado em abril

    Publicado em 29/03/2010 às 12:38 | 12324 leituras

  1. Arkeia Software abre escritório no Brasil

    Publicado em 10/06/2009 às 14:21 | 10945 leituras

  1. iPad 2 será mais fino e terá som melhor

    Publicado em 27/12/2010 às 12:41 | 8065 leituras

whitepapers

mais whitepapers